QUEM

SOMOS?

Somos mulheres.
Somos mães.
Somos pessoas com deficiência.
Somos ação.

Andréa
Werner

Andréa é jornalista pela PUC Minas, escritora, ativista e fundadora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Lígia
Oliveira

Lígia Oliveira é diretora de ações sociais do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Mãe do Pedro (TDAH) e da Pietra (autista), ela trabalha há 15 anos com transporte escolar na periferia da zona leste de São Paulo, o que a colocou em contato com um Estado bruto, falho e negligente.

Manuela
Aquino

Manuela Aquino é diretora de relações com a imprensa do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Jornalista, há 17 anos trabalha com conteúdo voltado ao público jovem e ao feminino. Boa parte deste foi em redações da editora Abril, como  Capricho, Gloss, MdeMulher e Cosmopolitan. 

Erika
Moreira

Erika Moreira é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Natural de São Paulo, está concluindo a graduação em Pedagogia e já possui formação em Recursos Humanos.

Raquel
del Monde

Diretora científica do
Instituto Lagarta Vira Pupa.

Raquel é médica (FMRP – USP), pediatra com treinamento em Psiquiatria da Infância e Adolescência (FCM – Unicamp)

NOSSA

HISTÓRIA

O Instituto Lagarta Vira Pupa foi fundado em 2021, mas 10 anos antes o blog Lagarta Vira Pupa foi criado, acolhendo e apoiando mães e familias de pessoas com deficiência.

Nívia
Carvalho

Nivia Carvalho é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Nascida em São Paulo, é mãe de 3 meninos, dentre eles o Davi, de 7 anos com paralisia cerebral. 

Desde menina, sempre conviveu com a responsabilidade social e política. 

Vanessa
Ziotti

Vanessa Ziotti é diretora jurídica do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Especialista em Processo Civil, Direito Societário, Contratos e Compliance, ela também é mãe de trigêmeos autistas de 3 anos e 8 meses: Bernardo, Benício e Lucas.

SOMOS

MUITAS

De acordo com o IBGE 24% da população brasileira tem algum tipo de deficiência. Somos muitas pessoas, somos muitas famílias.

Jéssica
Borges

Jéssica Borges é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Natural de Brasília, é estudante e pesquisadora da área da educação com foco em educação inclusiva, assistente terapêutica de crianças com deficiência, palestrante e ativista.

VAMOS

JUNTAS!

A luta das mães muda e molda a sociedade. Com o seu apoio podemos fazer uma sociedade inclusiva e iqualitária de verdade!

Adrianna
Reis de Sá

Adrianna Reis de Sá é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa e vive em Brasília.

Psicóloga clínica e professora universitária, tem mestrado em bioética pela UnB e é especialista em saúde mental e autismo.

Joyce
Renzi

Joyce Renzi é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

É, também, mãe do Guilherme, que tem Síndrome de Down, e fundadora da Rede Orienta.

Marina
Amaral

Marina Amaral é diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa.

Artista autodidata especializada em colorização digital de fotografias em preto e branco, foi considerada "a mestre da colorização de fotos" pela WIRED Magazine. Seu trabalho já foi requisitado e apresentado por diversos veículos de comunicação notáveis, incluindo a BBC, London Evening Standard, Washington Post, DW e Le Figaro.

FAÇA

PARTE

Quer ajudar? Quer fazer parte? Mande uma mensagem pra gente por email ou nas redes sociais! Com o seu apoio podemos ir muito mais longe!

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube

Copyleft © 2021 Instituto Lagarta Vira Pupa.

 

O conteúdo deste site, exceto quando proveniente de outras fontes ou onde especificado o contrário, está licenciado sob a Creative Commons by-sa 3.0 BR.