"Oi, te vi no Conversa com Bial e acho que..."

Essa foi a frase que mais ouvi na última semana. Praticamente todas as mensagens que recebi começavam assim: "Oi, te vi no Conversa com Bial e acho que também sou autista", ""acho que meu marido é autista", e por aí vai...


Pra quem não viu, esta semana, o Conversa com Bial recebeu a diretora do Instituto Lagarta Vira Pupa, Marina Amaral, para falar sobre o seu talento incrível em colorização de fotos em preto e branco e a mudança que o diagnóstico de autismo trouxe em sua vida.


Também participei do episódio falando dos mitos que ainda dificultam o diagnóstico de autismo, principalmente em mulheres, que costumam manifestar as características de formas diferentes. Você pode assistir o episódio na íntegra aqui:

https://globoplay.globo.com/v/9362939




Se você desconfia que é autista - ou tem suspeitas sobre algum familiar direto - , procure um psiquiatra com bastante experiência nisso. Se você for adulto, é ainda mais importante que esse psiquiatra tenha experiência em diagnóstico de adultos. Busque autistas adultos nas redes sociais, conheça as suas histórias e experiências.